Falso médico foragido foi ‘contratado’ por profissional que queria folgar nos plantões, aponta investigação

Homem que se passava por médico foi descoberto a partir de uma denúncia de negligência.

A polícia investiga um caso de exercício ilegal da medicina praticada por um homem que se passava por médico em hospitais de Independência e Crateús, no interior do Ceará.

Conforme a Secretaria da Saúde de Independência, o suspeito, Iago Oliveira de Pinho, foi “contratado” informalmente para substituir um médico profissional do Hospital Municipal Coronel João Gomes Coutinho, que não queria trabalhar nos plantões.

O falso médico é procurado pela polícia e foi descoberto a partir de uma denúncia de negligência médica feita por um paciente.

Conforme a Polícia Civil, durante as investigações sobre o caso de negligência, os agentes descobriram que Iago Oliveira de Pinho, de 28 anos, estava utilizando o nome e o registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) de um médico de Fortaleza para atender de forma ilícita na cidade do interior.

O falso médico, que está foragido, é investigado pelos crimes de exercício ilegal da medicina, falsidade ideológica e falsidade de documento público.

A Delegacia Municipal de Independência investiga o caso, para esclarecer o crime e capturar o suspeito.

A Secretaria da Saúde do município acrescenta que está contribuindo com a polícia para “a breve elucidação dos fatos e adoção das medidas legais e cabíveis”.

By Admin

Deixe um comentário

You May Also Like